Por que a casa da minha mãe está virando um zoológico?

Sábado de manhã, mal tinha acordado, recebo uma ligação da Geralda, paraibana arretada que trabalha na casa da minha mãe há quase 30 anos:
“Ooooo Jenny, o Pepi pegou o Mike ele tá sangrando tentei separar com a vassoura o kiko chamei de madrugada coitado do meninooo tinha ido cedo no ceasa comprar peixe ele deu umas palmadas no Pepi eles não queriam se separar acho que foi por causa da megui aaa jenny esses cachorro acho que vou ligar pro angelo vc não quer vir aqui olhar ele coitado do Mike?”

E eu, bom dia Ge! Agora me conta com calma o que houve?

Aí levantei e fui para a casa da minha mãe. O Mike, labrador xodó de 10 anos, estava todo sangrando nas costas. Limpamos com Merthiolate, tinham 4 furos, 1 bem grande tipo que entraria um dedo. E outro corte menor em cima da cabeça. Nisso a Geralda ligou pro Angelo, veterinário galã, mas avisaram que ele não viria no consultório hoje. Tudo bem, eu ia ter que assumir.
O bom é que os furos não sangraram mais depois da nossa limpeza, aí fomos ver a orelha do Pepper (a única parte do corpo que o Mike alcança nele, já que são penduradas, daí mais uma vantagem se fossem cortadas). Pepper é um dog alemão com sérios problemas mentais. O corpo é do tamanho de um cavalo pequeno, e o cérebro do tamanho de uma azeitona. Felizmente os cortes do gigante negão estavam simples, nada que colocar um brinco no futuro não “orne” bem.

Logo depois o Angelo ligou, contei a história, e claro, ele disse que já sabia que isso ia acontecer há muito tempo (assim como ele sabia que a Nina, nossa gata vaquinha, ia morrer há uns 8 anos atrás “porque eu vejo pelos olhos dela” ele costumava dizer… Ahã… hoje ela está com 13 anos e melhor do que nunca). Ele falou que o melhor era não costurar mesmo o Mike, e dar dois remédios, que fui comprar em seguida. Eu deveria ter estudado veterinária mesmo, minhas intervenções foram um sucesso!

O Mike tremia tanto depois do ataque que sofreu do Pepper, e outra coisa que eu nunca vi, ele estava com medo de ir pra lavanderia, onde aconteceu a briga. Mas Mike sempre foi um pouco cagão. Tem medo de injeções, de carros passando perto dele e de que falem “coitadoooooo do Mike”. Hoje ele está instalado na cozinha, Maggie (a alvíssima cachorra Dogo Argentino do meu irmão) em cima no meu antigo quarto e Pepper e Billy, o outro labrador chocolate, na área de serviço. O zoológico está dividido em alas, sendo que os felinos, que são 5, tem liberdade de ir e vir, mijar em documentos importantes e vomitar em superfícies macias, como sófás, almofadas e camas. As noites sequentes foram tranquilas, mas por via das dúvidas a Ge está precavida e o balde já fica sempre na porta dela, pra seguir mais um conselho do Angelo: se eles brigarem, água fria neles!

E esse foi só um exemplo do que acontece na Cazoo, que é como eu chamo a Casa Zoológico. Eu só acredito que, para os coitados do Mike e do Billy, que criamos a pão de ló desde bebezinhos,  hoje já na fase da aposentadoria é no mínimo injusto ter que ficar sofrendo esses ataques. Tudo era tão tranquilo quando não tinha o psico dog e nem a dama canina de branco. 

E sem contar que a Ge está com o pulso deslocado e dois cortes na perna porque o Pepper não queria que ela separasse a briga.
Ele já destruiu o jardim, os móveis, a Ge, o Mike… quem falta ele dar um pega, na Lolo? Certamente esse não será o último post do assunto. Aguardem as cenas dos próximos capítulos de Cazoo, a sua novela sobre a Casa Zoológico!

Um comentário em “Por que a casa da minha mãe está virando um zoológico?

  1. De quem é a culpa? Quem transformou minha casa num zoológico?
    – Claro Mamãe, vou cuidar para sempre desse bichinho, dizia vc a cada novo animal que trazia!!
    Mas, não vou reclamar, pq amo cada um desses pestinhas!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s